top of page
  • Foto do escritorESG Now

O que é o Pacto Global, GEE e Gestão de Carbono

Com certeza você já ouviu falar desses termos, mas poucas pessoas sabem seu real significado e sua importância. Vamos nos aprofundar em cada um deles?


Termos importantes

No mundo corporativo atual, a sustentabilidade não é apenas uma tendência, mas uma necessidade urgente. Empresas de todos os tamanhos estão buscando maneiras de reduzir seu impacto ambiental, promover práticas comerciais éticas e contribuir para um futuro mais sustentável. Nesse contexto, surgem termos que desempenham papéis fundamentais na jornada rumo à sustentabilidade empresarial. Mas afinal:


O que é o Pacto Global?

O Pacto Global é uma iniciativa das Nações Unidas que visa mobilizar empresas em todo o mundo para adotarem políticas e práticas sustentáveis. Lançado em 2000, incentiva as empresas a alinharem suas operações e estratégias com dez princípios universais nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. Ao aderir, empresas se comprometem a promover esses princípios em suas esferas de influência e a relatar regularmente seus progressos.


São eles:

1. Direitos Humanos: Apoiar e respeitar a proteção dos direitos humanos reconhecidos internacionalmente dentro de sua esfera de influência.

 2. Normas Trabalhistas: Certificar-se de que suas empresas não são cúmplices de violações dos direitos humanos.

3. Ambiente: Apoiar a liberdade de associação e o reconhecimento efetivo do direito à negociação coletiva.

4. Anticorrupção: Apoiar a eliminação de todas as formas de trabalho forçado ou compulsório.

5. Direitos Humanos: Apoiar a erradicação do trabalho infantil.

6. Normas Trabalhistas: Apoiar a eliminação de discriminação no emprego e ocupação.

7. Ambiente: Adotar uma abordagem preventiva aos desafios ambientais.

8. Anticorrupção: Combater a corrupção em todas as suas formas, incluindo extorsão e suborno.

9. Responsabilidade: Integrar abordagens de desenvolvimento sustentável em todas as suas atividades de negócios.

10. Transparência: Fazer com que as empresas sejam transparentes, divulgando informações sobre suas práticas e desempenho em relação aos princípios do Pacto Global.



pacto global, GEE e gestão de carbono

 

O que é GEE?

GEE significa Gases de Efeito Estufa, e o termo refere-se aos gases que contribuem para o aquecimento global e as mudanças climáticas. Alguns dos principais GEE incluem dióxido de carbono (CO2), metano (CH4) e óxido nitroso (N2O), entre outros. Essas emissões podem ocorrer em diferentes áreas da empresa, desde operações internas até cadeias de fornecimento externas. Medir e monitorar as emissões de GEE de uma empresa é fundamental para entender seu impacto climático e desenvolver estratégias para reduzi-las.


O que é Gestão de Carbono?

A Gestão de Carbono é o processo de avaliar, quantificar, gerenciar e reduzir as emissões de carbono de uma organização. Envolve a identificação das fontes de emissões de carbono, a implementação de medidas para reduzi-las e o monitoramento contínuo dos resultados.

A Gestão de Carbono é uma parte essencial da estratégia de sustentabilidade de uma empresa, ajudando-a a mitigar os impactos das mudanças climáticas e a contribuir para um ambiente mais saudável e seguro.


Geralmente, é informado através do Inventário de Emissões da empresa, um relatório bastante completo que deve conter:


Metodologia clara: Deve-se utilizar uma metodologia reconhecida e padronizada para calcular as emissões, como o Protocolo de Gases de Efeito Estufa (GHG Protocol) ou normas equivalentes.

Abordagem abrangente: O inventário deve considerar todas as categorias de gases de efeito estufa, incluindo dióxido de carbono (CO2), metano (CH4), óxido nitroso (N2O) e outros gases fluorados.

Precisão nos dados: Os dados utilizados no inventário devem ser precisos, confiáveis e baseados em fontes verificáveis ​​e mensuráveis.

Divulgação transparente: Deve-se fornecer uma divulgação clara e transparente das metodologias, fontes de dados e limitações do inventário.

Análise de tendências: O inventário deve permitir a análise das tendências de emissões ao longo do tempo, identificando áreas de melhoria e avaliando o progresso em direção a metas de redução.

Relatório abrangente: O resultado final deve ser um relatório abrangente que inclua uma análise detalhada das emissões, identificação de áreas de alto impacto e recomendações para ações de mitigação.

Certificação ou verificação: Em alguns casos, pode ser desejável ou necessário obter certificação ou verificação independente do inventário para aumentar a credibilidade e a confiabilidade dos resultados.

Comprometimento com a ação: Por fim, o inventário deve ser parte integrante de um compromisso mais amplo da organização com a redução das emissões e a mitigação das mudanças climáticas, com planos claros para implementar medidas de redução.

Escopo completo: O inventário deve abranger todas as fontes de emissões de gases de efeito estufa em todas as operações e atividades da organização, incluindo emissões diretas e indiretas.



pacto global, GEE e gestão de carbono


Qual a relação entre os 3 assuntos?

O Pacto Global da ONU, uma iniciativa que promove princípios de sustentabilidade e responsabilidade corporativa, está diretamente relacionado à Gestão de Gases de Efeito Estufa (GEE) e à Gestão de Carbono. Empresas signatárias do Pacto Global se comprometem a adotar práticas de negócios responsáveis, o que inclui a redução das emissões de GEE e a gestão eficaz do carbono.

Portanto, a Gestão de Carbono, que envolve a medição, monitoramento e redução das emissões de carbono, é uma parte essencial das estratégias de sustentabilidade corporativa alinhadas aos princípios do Pacto Global.


Quero começar

Não perca mais tempo e comece a fazer toda a sua gestão ESG numa só plataforma! Concentramos todas as funcionalidades necessárias para a implementação, operacionalização e monitoramento de uma estratégia ESG 360°, tornando a gestão de sua empresa mais ágil, eficaz e integrada. Com nossa diversidade de módulos, nunca foi tão fácil adentrar a jornada da sustentabilidade!



pacto global, GEE e gestão de carbono


Quero aprender sobre carbono

Aproveite o nosso mais novo curso exclusivo sobre carbono na plataforma ESG Learning! Nossas aulas serão ministradas pela especialista em ESG Camila Fagundes, Doutora e Mestra em Qualidade Ambiental, além de sócia e consultora em ESG junto a Ecovalor-Consultoria em Sustentabilidade, atuando em projetos como Inventário de Gases de Efeito Estufa e Relatórios de Sustentabilidade.

Serão 4 módulos, e ao final, você saberá inclusive como fazer o cálculo das emissões por escopo! Demais, né? Não perca tempo e confira agora!


 

Autor: Isabela Russiano | Analista na ESG Now

2 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page